top of page

A mão incorrupta de Santa Maria Madalena está quente e viva

No mosteiro Simonopetra no Monte Athos se encontra a mão esquerda de Santa Maria Madalena. Diz-se que a mão está incorrupta, se mantém quente e que dela se exala um belo perfume.

A mão esquerda incorruptível de Santa Maria Madalena é o tesouro mais sagrado do Mosteiro de Simonos Petras. No jardim da Mãe de Deus, no pátio de Nossa Senhora, o Monte Athos, é uma das flores mais perfumadas! Riqueza e glória da comunidade atonita e da Igreja de Cristo. Verdadeiramente esta é a mão de Maria Madalena, mirófora, a primeira testemunha da Ressurreição de Cristo Salvador, e depois de dois mil anos, mantém uma temperatura natural ao toque.

Essa mão serviu a dois grandes mistérios de nossa salvação: a Crucificação de Cristo e Sua Ressurreição. Ela tocou os pés do Ressuscitado. Esta santa mão não perdeu a seiva da vida. Permanece incorruptível, para além das leis da física. Está viva e transmite graça e santificação. Ela preenche o ambiente com um bom odor: “Exala uma boa fragrância, imaculada e agradável”. Está embebida pela graça do Ressuscitado. Traz alegria. Está quente. Esta mão realizou e está realizando muitos milagres à todos aqueles que buscam fielmente a graça através de Santa Maria Madalena.

Hieromonge Theologos Simonopetritul, Santa Maria Madalena – O Santo Odor do Mosteiro de Simonos Petras, Editora Doxologia, traduzido por Laura Enache, 2015, p. 132

Relicário com a mão esquerda de Santa Maria Madalena

Muitos milagres são atribuídos a esta relíquia, entre eles:

– A mãe esquerda de Maria Madalena, milagrosamente, conserva sempre uma temperatura de 37ºC. No dia de sua morte, 22 de julho, os peregrinos que se aproximam para beijar a urna com sua relíquia sentem os o calor em seus lábios”, destacou Silúan Muci , Arcebispo da Igreja Ortodoxa, durante uma entrevista a LA GACETA.

-Em 1945 houve um grande incêndio na floresta próxima ao Mosteiro de Iviron. Os Monges de Simonopetra levaram a relíquia de Santa Maria Madalena até ao lugar do fogo. Os dois monges que a levavam nas mãos se aproximaram do fogo, e quanto mais eles se aproximavam, mais o fogo diminuia. Os monges fizeram uma cerimônia de água benta e uma súplica, e, quando terminaram, o fogo tinha ido embora.

– Em 1947, um milagre semelhante ocorreu na floresta de Simonopetra graças à relíquia.

– Em 1911, em Galatista de Salónica, uma praga de vermes estava destruindo as plantas. O povo do local pediu que os monges trouxessem a relíquia de Santa Maria Madalena e fizeram uma santa cerimônia com água benta. Os vermes começaram a desaparecer imediatamente.

– Em 1912 veio uma praga de gafanhotos na região de Epanomis em Thessaloniki. Os moradores pediram que os monges trouxessem a relíquia, e depois de uma cerimônia de água benta e súplicas a Deus pela intercessão de Maria Madalena, a praga cessou.


Relicário com a mão esquerda de Santa Maria Madalena


1 visualização0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Solenidade do Glorioso São José – 19 de Março

SANTO DO DIA – 19 DE MARÇO – SÃO JOSÉ Esposo da Virgem Maria Do esposo de Maria sabemos somente aquilo que nos dizem os evangelistas Mateus e Lucas, mas é o que basta para colocar esse incomparável ‘

Comments


bottom of page